06/11/2017 Novembro Azul: índice de massa corporal (IMC) e circunferência do abdômen estão relacionados ao câncer de próstata

Todos os anos é realizada campanha do Novembro Azul com foco em conscientização e alerta em relação ao câncer de próstata. O Centro de Hematologia e Oncologia vai além e destaca neste mês um estudo feito por cientistas britânicos que serve de alerta para a importância de medidas preventivas. Afinal, foi observado que o IMC elevado está associado ao aumento do risco de tumores de alto grau, bem como ao do risco de morte por câncer de próstata.

“Sempre salientamos que uma alimentação balanceada e a prática regular de atividade física ajudam na prevenção do câncer. O estudo comprova que se a pessoa não tiver esses hábitos, as chances de ter um câncer de próstata aumentam consideravelmente”, alerta o oncologista Edson Campos.

Outro dado importante é em relação ao abdômen ou circunferência da cintura. Como base de comparação foram usados números indicados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) – média de 94cm a 102cm. A conclusão foi de que cada 10cm a mais de circunferência abdominal, as chances de morrer por câncer de próstata aumentaram em 18% e de ser acometido pela doença de alto grau, em 13%. “É um número significativo e preocupante”, completa Campos.

O CÂNCER DE PRÓSTATA

Para quem não sabe, o câncer de próstata é mais comum em homens acima de 60 anos, mas é indicado buscar um médico urologista para fazer os exames a partir dos 50. A próstata é uma glândula encontrada exclusivamente nos homes localizada entre a uretra peniana e a bexiga, e ela é responsável pela produção de líquido seminal essencial para a reprodução humana. “O câncer de próstata é a multiplicação irregular das células da próstata sendo os principais sintomas poliúria e nocturia (urinar muitas vezes e à noite) dificuldade em urinar, jato fraco, dor ou por vezes sangue na urina”, explica a oncologista Andréa Santin.

PREVINA-SE

·Manter uma vida com hábitos saudáveis, atividade física e dieta equilibrada.

·Tomates, cebola, feijão, peixes entre outros podem estar relacionados a uma diminuição no risco de neoplasia de próstata.

·É necessário manter um acompanhamento médico, principalmente naqueles pacientes onde um histórico familiar é importante no câncer de próstata.

TRATAMENTOS

·Conduta Expectante.

·Cirurgia.

·Radioterapia.

·Hormonioterapia.

·Quimioterapia.

CAMPANHA

Com o tema “Vamos mudar essa cabeça hoje? Consciência aberta na prevenção do câncer de próstata”, o Centro de Hematologia e Oncologia lança a campanha de prevenção ao câncer de próstata. No mês do bigode, o C.H.O. alerta para a importância de mudar a cabeça em relação ao exame do toque. O câncer de próstata tem cura e quanto mais aberta for sua consciência, maior a chance de vencê-lo.


SAIBA +

Em 2016, mais de 61 mil casos de câncer de próstata no Brasil foram registrados.


Outras Notícias