01/07/2020 CHO alerta para o câncer de ovário

O aparelho reprodutor feminino é surpreendente. Cada órgão tem seu papel específico para promover uma nova geração de vida. Mas, mesmo tempo em que sua ação é fundamental, às vezes, por pequenos problemas podem desencadear doenças, como o câncer. Por má formação e mutações genéticas ou ovário, órgão responsável por produzir hormônios e armazenar óvulos, apresenta uma segunda neoplasia ginecológica mais frequente, com uma estimativa de mais de seis mil novos casos em 2020.

O mês de julho é dedicado ao alerta e prevenção do câncer de ovário. “Alguns fatores elevam os riscos da mulher ter câncer de ovário. O excesso de peso corporal, histórico familiar, mutações genéticas e fatores reprodutivos e hormonais podem desencadear o câncer de ovário ”, estatísticas ou oncologista do Centro de Hematologia e Oncologia, Dr. Celio Kussumoto. “A prevenção está associada a pequenos cuidados diários de saúde como manter uma alimentação saudável, peso controlado e consultas regulares ao médico ginecologista para mulheres com mais de 50 anos”, complementa.

Isso porque os sinais costumam aparecer na fase mais avançada da doença. Os sintomas mais comuns são dor abdominal e abdominal, perda de apetite, perda de peso, fadiga e alterações no hábito intestinal e urinário. “Esses sintomas podem ser facilmente confundidos com outras doenças, por isso são necessárias consultas regulares ao médico e realização de exames periódicos”, reforma ou oncologista.  


Outras Notícias

1
×
Olá, tudo bem? Realize um agendamento para sua consulta através do WhatsApp agora mesmo!